Enquanto isso, nos E.U.A…

Ina May Gaskin é uma enfermeira obstétrica norte-americana fundadora de uma bela casa de parto humanizado no Tennessee, chamada The Farm. Ela escreve e dá palestras sobre o assunto pelo mundo afora e aqui está uma série de vídeos de uma palestra que ela fez na Suécia em 2012, onde fala sobre a medicalização do parto, o excesso de tecnologia e intervenções, a peridural, a episiotomia, o desrespeito à mulher e ao tempo de cada parto… E também sobre a importância de rir, de se divertir durante o parto, por incrível que pareça. Vale a pena assistir. E não se restringe apenas à realidade norteamericana. Está em inglês: